Concurso CRA/AM: edital fica para o início de 2017 com vagas pra nível médio e superior.

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Publicação do edital está prevista para início de 2017
Salário de até $ 1.972,26.

concurso CRA administrador
vagas do concurso CRA para administradores, edital previsto

A publicação do edital do aguardado concurso público que será realizado pelo Conselho Regional de Administração do Amazonas (CRA/AM) ainda deve demorar mais algum tempo. Acontece que, segundo informações obtidas junto ao setor de recursos humanos do órgão, a liberação do edital de abertura de inscrições, inicialmente prevista para ocorrer logo após as eleições, ainda depende de alguns ajustes e somente deve ocorrer no início de 2017.

O concurso contará com uma oferta inicial de quatro vagas, além de formar cadastro reserva de pessoal, sendo duas para o cargo de auxiliar administrativo, uma para administrador e uma de fiscal. De qualquer forma, a seleção continua em pauta e deve ocorrer ainda este ano.

Para concorrer à carreira de auxiliar administrativo, os candidatos precisarão ter ensino médio completo. A remuneração inicial corresponderá a R$ 932,34.

Os empregos de administrador e fiscal serão destinados aos profissionais que possuem certificado de nível superior. Para ambos os postos, o salário será de R$ 1.972,26.

Todas as oportunidades do concurso do Conselho Regional de Administração do Amazonas serão para a cidade de Manaus, a capital do Estado.

Assim que iniciadas, as inscrições poderão ser feitas somente pela internet, na página eletrônica da organizadora, que será o Instituto Quadrix.
Sobre o CRA

O CRA/AM é o órgão disciplinador e fiscalizador do exercício profissional do administrador.Como uma autarquia federal, possui personalidade jurídica de direito público, com autonomia técnica, administrativa e financeira. Foi criado quando da promulgação da lei nº 4.769 de 9 de setembro de 1965, que previa a constituição de órgãos que garantissem o cumprimento da mesma.

É uma entidade de vida própria, que se mantém sem nenhuma verba governamental, sendo sua única fonte de recursos, as anuidades e taxas de serviços pagas pelos administradores e empresas registradas. Porém,presta contas ao Tribunal de Contas da União (TCU) e ao Conselho Federal de Administração (CFA).

O órgão maior dos conselhos é o (CFA), que atua como controlador e fiscalizador das atividades financeiras e administrativas do Sistema CFA/CRAs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*